Go to the content
Colabore com a casa
or

 Go back to Notícias
Full screen Suggest an article

O Coral da Casa do Caminho canta com muito carinho para todos nós!

December 13, 2020 20:38 , by Redação CDC - 1One comment | No one following this article yet.
Viewed 124 times
Coral da Casa do Caminho canta com muito carinho para todos nós!
 
"Meu coração, não sei por quê
Bate feliz quando te vê
E os meus olhos ficam sorrindo..."
 
 
 
 
E os corações bateram forte e sorriram ao verem o nosso Coral na versão online!
 
O distanciamento social, necessário na pandemia em 2020, não impediu que o Coral da Casa do Caminho continuasse seus ensaios.
 
Aliás, a Casa do Caminho - PAE foi se reinventando e mantendo as suas atividades com muito afinco. O Coral foi mais uma delas. O maestro Magno Aguiar, responsável pelo coral, não mediu esforços para encontrar meios de continuar fazendo vibrar as vozes dos participantes do coral, durante os ensaios online. De alguma forma, essas são também as vozes de todos os voluntários da Casa do Caminho!
 
E a música do Coral chegou aos nossos lares... Em uma nova versão, tocou fundo em nossa alma! Claro, com muito aprendizado, vencendo várias dificuldades, inclusive tecnólogicas, já que cantar separadamente é um desafio a mais para os coralistas e o regente. Nada que a vontade e o amor não pudessem suplantar. Aí está o fruto desse empenho.
 
Carinhoso, a obra mais famosa de Pixinguinha e João de Barro, foi composta por volta de 1920 - não há precisão quanto à data exata - e já recebeu centenas de gravações em todo o mundo.  Na verdade, é um dos ícones da música popular brasileira. Na sua primeira gravação, esse chorinho era em formato instrumental, vindo a público  no ano de 1928. Somente depois, em 1937,  ganhou a singela, entretanto, tocante letra que o mundo hoje conhece.
 
Que possamos permitir que o nosso coração bata muito feliz ao encontrarmos os nossos parceiros de jornada, os nossos amigos e também àqueles que ainda não conseguimos amar.
 
Que possamos sorrir carinhosamente para todos que nos rodeiam! Afinal, somos todos filhos de um mesmo Pai e, cada um que cruza o nosso caminho é peça fundamental em nossa trajetória de transformação pessoal rumo à perfeição.
 
 

A música (...)

Nas esferas superiores, ela se torna uma das formas
habituais da vida do ser, que se sente mergulhado nas ondas de harmonia de
intensidade e suavidade inexprimíveis.

Quando das grandes festas no espaço, dizem-nos nossos guias espirituais,
quando as almas se unem aos milhões para prestarem homenagem ao Criador, na
irradiação de sua fé e de seu amor, delas escapam eflúvios, radiações luminosas
que se colorem de várias tonalidades e se transformam em vibrações melodiosas.
As cores transformam-se em sons, e dessa comunhão dos fluidos, dos pensamentos e
dos sentimentos desprende-se uma sinfonia sublime, à qual respondem os
longínquos acordes vindos das esferas, dos inúmeros astros que povoam a
imensidão.

Então, do alto descem outros acordes, ainda mais possantes, e um hino
universal faz estremecerem céus e terras. À percepção desses acordes o espírito
se dilata e se regozija; ele se sente viver na comunhão divina e entra num
encantamento que chega ao êxtase

(Léon Denis, O Espiritismo na Arte).


This article's tags: carinhoso Coral da Casa do Caminho coral

1One comment

Post a comment

* field is mandatory

If you are a registered user, you can login and be automatically recognized.